Projeto prevê que Voz do Brasil deverá respeitar horário local do ouvinte

10/04/2013 13:43

Tramita na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 3612/12, do deputado Rogério Carvalho (PT-SE), que altera o Código Brasileiro de Telecomunicações para estabelecer que o programa a Voz do Brasil seja veiculado de acordo com o horário local do ouvinte. Atualmente, o programa é veiculado em todo o País às 19 horas de Brasília. Ou seja, vai ao ar uma ou duas horas mais cedo nos estados que têm fuso horário diferente ou que não adotam o horário de verão.

O autor do projeto lembra que essas informações permitem aos conselhos municipais de saúde e educação acompanhar a aplicação e uso desses recursos. “A Voz do Brasil desempenha um papel fundamental de integração nacional em comunidades longínquas, divulgando, por exemplo, informações sobre recursos liberados pela União”, explica Carvalho. 
 
O projeto será analisado em caráter conclusivo pelas comissões de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática; e de Constituição e Justiça e de Cidadania. Um requerimento para incluir o projeto na pauta de votação desta quarta-feira foi rejeitado. 
 
Segundo o projeto, o objeto é o de resguardar o caráter social e político de integração nacional promovido pelo programa A Voz do Brasil. Por isso, o projeto determina que os horários de início e término do programa deverão observar o horário local do ouvinte.
 
O projeto vai à contramão do projeto que visa flexibilizar o horário da transmissão do programa governamental. Os radiodifusores aguardam a aprovação do projeto para terem a liberdade de transmitir a programação de suas rádios no rádio das 19h às 20h de segunda a sexta-feira e, consequentemente, a transmissão do programa do governo em horário alternativo.
 
Vários requerimentos foram apresentados para que o projeto que flexibiliza a transmissão entrasse na pauta de votação e os pedidos foram rejeitados. Segundo a Associação das Emissoras de Rádio e Televisão do Estado de São Paulo (Aesp), Rodrigo Neves, o jornalismo de prestação de serviços pode ser muito útil e a programação musical pode entreter. Neves diz que 80% da bancada deverão votar pela flexibilização, mas a adesão tem que ser cobrada junto aos deputados.

Teste

Carlos Massaro

Carlos Massaro é de São Paulo e atua como radialista e jornalista. O profissional vai ao ar nos finais de semana na Rádio Brasil (brasilwebradio.com) e integra a equipe jornalística da rádio Regional AM de Palmital. Já coordenou uma afiliada da Band FM (interior de São Paulo) e trabalhou como locutor em outra retransmissora da Band FM e na Interativa de Avaré.

 

Novidades

Rádios jornalísticas de São Paulo fazem cobertura da entrega do Oscar 2019

25/02/2019 12:59
As rádios jornalísticas de São Paulo destinaram suas programações da noite deste domingo (24) para a transmissão da cerimônia do Oscar 2019, premiação do cinema americano organizada pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas. A Jovem Pan News AM 620, CBN FM 90.5 e a Rádio...

CBN volta a ser transmitida em AM e FM em Campinas

03/06/2018 13:32
A rede CBN, liderada pela CBN FM 90.5 AM 780 de São Paulo e CBN FM 92.5 AM 860 do Rio de Janeiro, voltou a ter transmissão em AM e FM em Campinas. A rede jornalística controlada pelo Sistema Globo de Rádio voltou a transmitir pela 1390 AM, que abrigou a Rádio Globo nos últimos anos. A informação do...

Mix FM tem a sua transmissão interrompida em Campinas após furtos de cabos

30/01/2018 12:16
A Mix FM 101.1 de Campinas teve a sua transmissão interrompida neste início de semana no interior paulista. Os cabos da rede elétrica que alimentam a região onde a FM está instalada foram roubados, deixando a estação fora do ar entre sábado (27) e segunda-feira (29). A situação já foi normalizada...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>